Quem trabalha com marketing digital, além de dominar as técnicas que envolvem as ciências humanas, como os estudos de comportamento do público e das personas, por exemplo, também precisa compreender o funcionamento dos algoritmos das plataformas.

Isso porque o Google, o Facebook e o Instagram, três das maiores plataformas utilizadas para a prática do marketing digital, utilizam sistemas de inteligência artificial ou robôs, os chamados algoritmos, para entregar os links e conteúdos aos usuários.

Dessa forma, convém que os especialistas em marketing digital tenham conhecimento consolidado sobre o tema. Assim, podem usar isso a seu favor nas estratégias e conquistar mais resultados positivos em engajamento e também nas vendas.

Preparamos este conteúdo para que você saiba mais sobre os gigantes do mercado e seus algoritmos. A ideia é que você possa desvendar os mistérios do Google, do Facebook e do Instagram. 

Pronto para descobrir como estar um passo à frente da inteligência artificial e preparar as suas estratégias para tirar o máximo de proveito, de acordo com os algoritmos de cada plataforma? Então, é só seguir a leitura!

Google

Nas estratégias de SEO, um dos maiores desafios que os especialistas em marketing digital enfrentam é o entendimento sobre os algoritmos do Google. Afinal, é preciso ficar atento a esse sistema, que classifica a ordem como os conteúdos são entregues para os usuários que fazem buscas na plataforma de pesquisa.

A seguir, esclareceremos as principais dúvidas sobre os algoritmos do Google, para que você possa desvendá-los. Veja!

O que são os algoritmos do Google?

Os algoritmos do Google podem ser definidos como um conjunto de operações que definem a forma como os resultados das buscas são apresentados para os usuários. 

Em suma, eles funcionam como robôs que organizam a melhor forma de responder às dúvidas dos usuários. O resultado é organizado como uma lista de melhores respostas para os questionamentos que as pessoas fazem.

Para fazer essa organização, no entanto, os robôs do Google iniciam o trabalho muito antes do usuário fazer a pesquisa no buscador.

Como os algoritmos do Google funcionam?

O próprio Google já divulgou como os seus algoritmos são otimizados. A gigante da tecnologia disponibilizou em seu canal no YouTube, um vídeo onde Matt Cutts, engenheiro de qualidade da plataforma, faz uma explicação sobre como o processo funciona no buscador. Assista:

Cutts explica que o funcionamento do mecanismo acontece em três momentos. são eles:

Rastreamento

Os algoritmos do Google fazem uma espécie de varredura na internet, analisando todos os conteúdos que são publicados nos sites, blogs, redes sociais etc. 

Depois disso, as novas URLs são indexadas em bancos de dados e, de acordo com a relevância que os materiais têm, são organizadas listas, que são mostradas aos usuários que fazem pesquisas.

Para garantir que os novos conteúdos tenham relevância, é importante que sejam produzidos textos otimizados para SEO, contendo determinadas palavras-chave.

Porém, eles também precisam ter profundidade e trazer informações úteis para os usuários. Não adianta só escrever qualquer coisa e repetir várias vezes os termos-chave, por exemplo.

Além disso, deve-se ter alguns conhecimentos em programação, para desenvolver as estruturas das páginas.

O Flash, por exemplo, é um formato que não é lido pelos algoritmos do Google. Logo, um site que utiliza essa tecnologia não será bem ranqueado.

Indexação

No que se refere à indexação, os algoritmos do Google trabalham para organizar todos os conteúdos que estão disponíveis na internet, como se fossem uma grande biblioteca.

Os robôs do Google organizam os conteúdos levando em consideração uma série de fatores, tais como: o tempo de carregamento da página, a adaptação dos sites para diferentes tamanhos de tela, as palavras-chave trabalhadas no texto, etc.

Ranqueamento

Para quem desenvolve estratégias de marketing de conteúdo, quanto mais no topo dos resultados de busca os materiais estiverem, melhor. Por isso, é importante entender como os algoritmos do Google fazem o ranqueamento das páginas.

De maneira geral, são consideradas uma série de fatores, tais como o histórico do usuário e a sua localização geográfica. Isso quer dizer que os resultados não são sempre os mesmos para todos.

Imagine, por exemplo, que uma pessoa que mora em São Paulo, está com dor de dente e pesquisa no Google usando a palavra-chave “dentistas”. Seria útil para ela receber informações  sobre um dentista que atende em outra cidade? Com certeza não.

Os algoritmos do Google entendem isso e organizam os conteúdos para que sejam mostrados da maneira mais útil para cada usuário.

O que fazer para dominar os algoritmos do Google?

Para dominar os algoritmos do Google, é necessário que você otimize os seus sites, blogs, landing pages e outros espaços de conteúdo, utilizando as estratégias de SEO.

Além disso, é importante que você se preocupe como EAT do site. Trata-se de uma sigla, em inglês, formada pelas iniciais das palavras que são tidas como pilares para desenvolver uma estratégia de otimização. São elas:

  • expertise: o nível de conhecimento trabalhado do conteúdo;
  • authoritativeness: a autoridade que o site ou blog em que o material está sendo publicado tem no segmento; e
  • trustworthiness: a confiabilidade do próprio conteúdo e do site em que ele está sendo publicado.

Isso quer dizer, portanto, que os algoritmos do Google conseguem distinguir um conteúdo de qualidade e com bastante profundidade de um ruim. Também já conseguem identificar se uma publicação é uma fake news, por exemplo. Assim, evita mostrar esse tipo de conteúdo aos usuários.

Facebook

Entendido sobre como os algoritmos do Google funcionam? Então, agora você verá como esse processo funciona no Facebook. Veja!

O que são os algoritmos do Facebook?

Os algoritmos do Facebook são sistemas de inteligência artificial utilizados pela maior rede social do mundo, que servem para determinar o que é mostrado primeiramente no feed de cada usuário.

De tal maneira, a forma como as publicações são organizadas para serem mostradas a cada usuário variam, de acordo com os gostos de cada pessoa.

Como os algoritmos do Facebook funcionam?

Os algoritmos do Facebook utilizam, basicamente, quatro fatores para organizar o feed de cada usuário. A seguir, apresentaremos cada um deles!

Nível de interações entre usuários

O primeiro fator considerado pelos robôs do Facebook é o nivel de interações entre os usuários. 

De tal maneira, um usuário da rede social recebe mais conteúdos que são publicados pelos amigos e páginas com quem ele mantém mais interações.

Para fazer um teste e ver como isso funciona, basta acessar o perfil de um amigo e deixar algumas curtidas e reações nas fotos dele. Também acesse uma página de uma empresa e faça comentários, avaliações e reaja nas publicações.

Você verá que, nos próximos acessos ao Facebook, verá muito mais publicações desses perfis e páginas com quem manteve interações.

Momento da publicação

Quanto mais recente for uma postagem, mais chances ela tem de ser vista pelos usuários. 

O Facebook busca sempre oferecer novidades para os seus usuários. Logo, é bem provável que uma publicação que foi feita já há alguns dias não seja mais mostrada.

Tipo de conteúdo

O Facebook também organiza os conteúdos do feed de cada usuário, de acordo com o tipo de publicação que cada pessoa mais gosta.

Um usuário que curte e interage com links de notícias, por exemplo, receberá mais esse tipo de conteúdo.

Já quem tem mais interações com vídeos, receberá mais materiais em audiovisual, entre outros exemplos.

Engajamento com o post

Quando uma publicação recebe muito engajamento, como reações, compartilhamentos e comentários, os algoritmos do Facebook entendem que ela é muito interessante.

Por esse motivo, começam a mostrar o conteúdo para uma quantidade maior de usuários.

De que maneira é possível dominar os algoritmos do Facebook?

Para dominar os algoritmos do Facebook, é importante que você considere todos os tópicos citados anteriormente ao produzir conteúdo para a rede social.

Primeiramente, recomenda-se que você tenha uma constância nas publicações, para que sempre haja algo novo a ser mostrado aos seus seguidores. De nada adianta ter uma página e ficar dias sem postar nada.

Também é importante que os conteúdos sejam engajáveis, ou seja, que sejam convidativos para os usuários deixarem comentários, reações e também compartilharem.

Outro ponto relevante é variar os conteúdos, que podem ter formato de texto, imagem, vídeo, entre outros. 

Seguindo essas diretrizes, é bem provável que você tenha mais sucesso nessa rede social e alcance mais audiência, principalmente em publicações orgânicas, ou seja, aquelas que você não paga para ter um bom alcance.

Instagram

Finalmente, vamos falar agora sobre os algoritmos do Instagram. Leia os tópicos a seguir e tire as suas dúvidas sobre o tema!

O que são algoritmos do Instagram?

Os algoritmos do Instagram, assim como os do Facebook, são os robôs que organizam a forma como as publicações são mostradas para os usuários nessa rede social.

Antigamente, as publicações eram sempre mostradas em ordem cronológica, de acordo com os horários em que foram postadas. Hoje em dia, isso funciona de forma diferente.

Como os algoritmos do Instagram funcionam?

Atualmente, os algoritmos do Instagram organizam o feed dos usuários de acordo com três princípios básicos. Eles estão relacionados, a seguir!

Temporalidade

O Instagram considera que os usuários querem ver conteúdo recente. Por isso, mesmo que não se siga mais uma ordem cronológica de postagens, as publicações mais recentes são mostradas primeiramente.

Engajamento

Assim como acontece com o Facebook, os conteúdos que geram mais engajamentos, ou seja, que têm mais conteúdos e comentários, são considerados mais importantes.

Dessa maneira, quando uma publicação está engajando bem entre os usuários, é provável que ela seja mostrada para mais pessoas.

Relacionamentos

Os posts dos melhores amigos e das marcas preferidas dos usuários são sempre os primeiros a serem mostrados no feed. 

Isso acontece porque, de acordo com as interações e o relacionamento entre usuários, os algoritmos do Instagram entendem o que é mais relevante.

De que maneira é possível dominar os algoritmos do Instagram?

Para dominar os algoritmos do Instagram em sua estratégia, basicamente, deve-se usar as mesmas táticas usadas no Facebook. 

É necessário focar em um bom relacionamento com os seguidores, fazer publicações que sejam convidativas para gerar engajamento e manter uma temporalidade para sempre contar com novidades a serem apresentadas.

Agora você já sabe mais sobre os algoritmos dos gigantes do marketing digital. Não deixe de levar esses conhecimentos em consideração quando for desenvolver ações desse tipo.

Gostou deste conteúdo? Então assine agora mesmo a nossa newsletter e receba todas as nossas dicas no seu e-mail!

 

Curso Pocket LinkedIn
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x

Pin It on Pinterest

Share This